Dicas de Saúde

Como lavar corretamente frutas e verduras - Dica de Saúde

Lavar bem as cascas das frutas e os legumes com bicarbonato de sódio, água sanitária ou alvejante, além de eliminar sujeira, alguns agrotóxicos e pesticidas, presentes na casca do alimento, também permite remover vírus e bactérias responsáveis por doenças como hepatite, cólera, salmonelose e até coronavírus, por exemplo.

Antes de lavar as frutas, legumes e verduras, é importante lavar bem as mãos e retirar as partes que estejam machucadas. Depois disso, deve-se seguir os seguintes passos:

Lavar os vegetais com uma escovinha, água morna e sabão, para retirar a sujeira visível a olho nu;
Deixar as frutas e as verduras com casca de molho em uma bacia com 1 litro de água e 1 colher de bicarbonato de sódio ou de água sanitária, por cerca de 15 minutos;
Lavar as frutas e as verduras em água potável para retirar o excesso de bicarbonato, de água sanitária ou do produto usado na desinfecção.
Além disso, é importante ter cuidado para não misturar os alimentos limpos com aqueles que estão sujos ou crus, já que pode voltar a haver contaminação.

Os alimentos que são cozinhados podem ser apenas lavados com água corrente para retirar a sujeira, já que o calor é capaz de eliminar os microrganismos presentes nesses alimentos.

É importante lembrar que sempre que se utilizar produtos químicos comerciais próprios para lavar vegetais deve-se ler as instruções da embalagem para respeitar a quantidade a utilizar, evitando que aconteça acúmulo da substância no organismo. Nesse caso, o ideal é seguir as orientações da embalagem.

Já o uso de produtos como alvejantes, cloro ou tira-manchas é totalmente desaconselhado pois podem ser nocivos para a saúde, se não forem completamente retirados dos alimentos antes de consumir.

Outras alternativas para lavar os vegetais
Outras alternativas saudáveis e eficazes para eliminar micro-organismos e pesticidas dos vegetais são o uso de peróxido de hidrogênio ou de ácidos orgânicos, como ácido cítrico, láctico ou ascórbico. No entanto, em ambos os casos é preciso ter alguns cuidados. No caso do peróxido de hidrogênio é importante usar percentagens inferiores a 5%, já que podem causar irritação da pele ou dos olhos. No caso dos ácidos orgânicos, é sempre melhor utilizar uma mistura de 2 ou mais ácidos.

Para usar estas alternativas, deve-se diluir 1 colher de sopa do produto para cada 1 litro de água, deixando os vegetais de molho por 15 minutos. Após esse tempo, deve-se lavar os vegetais em água corrente para retirar o excesso do produto e armazenar os alimentos na geladeira.

É importante lembrar que consumir alimentos crus que não sejam devidamente lavados pode ser perigoso para a saúde devido à quantidade de micro-organismos nocivos e de agrotóxicos presentes na casca dos vegetais, podendo causar problemas como dor de barriga, diarreia, febre e mal estar. Veja as 3 doenças causadas por alimentos contaminados.

O vinagre pode ser usado para desinfectar?
O vinagre branco, balsâmico, de vinho ou de maçã pode ser usado para desinfectar os legumes e as frutas, no entanto não é considerada a melhor opção. Isso porque alguns estudos indicam que não é tão eficaz quando comparado aos produtos que contêm hipoclorito de sódio para eliminar alguns microrganismos.

Além disso, outros estudos indicam que para que o vinagre funcione corretamente, é preciso que esteja muito concentrado, ou seja, são necessárias grandes quantidades de vinagre na água para eliminar os microrganismos nocivos e os pesticidas. Além disso, o vinagre pode alterar o sabor de alguns vegetais.

Procure sempre orientação médica.

primeira página 1 2 3 4 5 6 7 8 9 última página

CSPM 2020. Todos os direitos reservados | Produzido por: Agência CS Digital